16 de dez de 2013

Polícia Rodoviária Estadual prende foragido da Justiça com moto furtada na PR160


De acordo com o SGT Odair da Polícia Militar Rodoviária Estadual, na manhã de segunda feira (16), durante patrulhamento de rotina na PR 160, na rodovia para Nova Fátima, os policiais abordaram um indivíduo sem habilitação em uma Honda/Titan, na cor vermelha e ao buscarem informação sobre o veículo, constatararam que ele acabara ser furtado próximo à garagem da prefeitura de Cornélio Procópio.
O meliante identificado como Rodrigo Chagas da Silva, mais conhecido como “Mandinho”, além de ser acusado de ter furtado a moto, ainda é fugitivo do sistema penal, onde cumpria pena em uma penitenciária de Curitiba.
Mandinho também é suspeito de ter assaltado um senhora por volta das 10h na região do Bosque Municipal de Cornélio Procópio e com ele os policiais encontraram uma chave micha.
Ainda detido no posto policial, Mandinho negou o crime, mas acabou caindo em contradição durante entrevista, quando disse que pegou a moto na rua e se dirigia a Nova Fátima, local onde ele se escondia. Posteriormente falou que a moto foi entregue por outra pessoa e não sabia que era furtada.
Mandinho que esta ferido a bala, afirmou que deve passar por uma cirurgia, o meliante revelou que quebrou uma costela durante a fuga do presídio em Curitiba, quando passou por um buraco feito por ele.
O melainte relatou que pagou R$400,00 para um motociclista trazê-lo a Cornélio Procópio, dinheiro este produto de furto.
Contando que em 2017 esteja de volta as ruas, o meliante novamente caiu em contradição, dizendo que se for mandado para Curitiba novamente, vai fugir e voltar a roubar.
Acostumado com o crime, Mandinho é morador do Conjunto Habitacional João Rocha, ele garantiu que vai mudar de vida e se precisar, vai trabalhar, pois a cadeia é um inferno, mas pelo visto...
Agradecendo e enaltecendo a ação da Polícia Rodoviária, o dono da moto relatou que o veículo estava na frente da garagem da prefeitura e ele só deu falta quando saiu para almoçar, mas graças ao eficiente trabalho dos policiais, vinte minutos depois a sua Honda/Titan foi devolvida sem nenhum dano, para o seu alívio.
A Polícia Militar foi acionada e o meliante foi levado a 11º SDP para os devidos procedimento, onde permanece a disposição da Justiça.
Anuncifácil 

Comente