2 de out de 2013

O voto continuará obrigatório !


A Constituição, Justiça e Cidadania do Senado rejeitou nesta quarta-feira, por ampla maioria de votos, a proposta de emenda constitucional que acabava com o voto obrigatório no sistema eleitoral do país.
A proposta foi apresentada pelo senador Ricardo Ferraço, do PMDB do Espírito Santo.
Segundo a Agência Senado, foram mais de mais de duas horas de debates, mas no final o relatório favorável do senador Pedro Taques, do PDT do Mato Grosso, foi derrotado com 16 votos contrários e apenas seis a favor.
Ainda segundo a Agência Senado, o tema deverá voltar à pauta da próxima semana, quando deverá ser votada uma proposta do senador paranaense Alvaro Dias, do PSDB.
Só que, diferente da PEC de Ferraço, a de Alvaro retira a atual regra que define o voto como obrigatório e determina que a matéria passe a ser regulada por lei complementar.
Pelo Twitter, o senador Alvaro Dias defendeu o voto facultativo.
-- O voto facultativo parte do princípio de que votar é uma faculdade da pessoa. O voto espelha a vontade livre do cidadão, destacando que o “voto obrigatório tem sido marca registrada dos estados totalitários, não de democracias modernas”.
fonte - roseli abrão

Comente