7 de jul de 2014

Pelo 2º turno, Gleisi bate forte em Requião


Em seu quarto evento de lançamento como candidata ao governo do Paraná, a senadora Gleisi Hoffmann, do PT, deu sinais claros que deve pautar boa parte de suas críticas na campanha ao senador Roberto Requião (PMDB) e aos seus dois últimos governos (2003-2010). 

Sem citar o nome do peemedebista, Gleisi fez referências ao governo passado e falas amplamente ligadas a Requião, como as ameaças a adversários e a falta de apoio ao empresariado. “O Paraná, tenho certeza, não quer olhar para trás. Passou o tempo do jogo de cena, das ameaças”, disparou.

“O Paraná não quer o passado, não quer o atraso. O Paraná é empreendedor, é inovador, é trabalhador e quer novos tempos. Quer ser aberto, que ser um estado que olha o Brasil como um imenso lugar de oportunidades”, disse.

Tecnicamente empatada com Requião nas pesquisas, Gleisi disse ainda que quer "inaugurar o fim das gestões que governaram apenas para aqueles próximos ao poder, que são beneficiados pela troca de favores políticos-eleitorais”. O próprio slogan da campanha do PT será “mudar é olhar pra frente”. 

Comente