26 de fev de 2014

Em Cornélio Procópio, trabalhador morre em acidente em obra ao lado da linha férrea


Por volta das 10h45 de terça feira (25), uma viga de concreto caiu sobre um trabalhador de um prédio em construção entre a linha férrea e a Rua Marechal Deodoro, na área central de Cornélio Procópio.
A Polícia Militar e a equipe de serviço do SIATE foram acionadas e de acordo o CB Carlos, umas das primeiras pessoas que chegaram à área do acidente, houve uma ruptura no braço do guindaste que carregava uma viga de concreto usada para construções pré-moldadas. A viga se soltou e acabou se chocando com outras, vindo esta a se romper e desabar em cima de dois trabalhadores que estavam no local, sendo eles pai e filho.
O pai, que é morador de Cornélio Procópio, conseguiu escapar, mas o pesado bloco de concreto caiu sobre seu filho, de nome Anderson Ribeiro da Silva, 27, que residia no Distrito de Congonhas, esmagando a sua cabeça.
A morte do rapaz foi praticamente instantânea, relatou o policial militar, que salientou que neste tipo de construção deveria ter pessoas especializadas em operar máquinas de grande porte e uma preocupação maior com a segurança dos trabalhadores.
O SGT Haroldo do SIATE que chegou ao local com sua equipe minutos depois da PM, disse que o acidente foi uma tragédia e lamentou que os socorristas não puderam fazer nada.
Como o CB Carlos e Sgt.Haroldo frisou na segurança, visto que o acidente ocorreu em uma obra sem a presença de fiscalização e procedimentos que garantam a integridade física dos que ali trabalham em caso de acidentes.
O CB Carlos relatou ainda que o médico do SAMU foi chamado para constatar a morte do rapaz, mas foi informado que não havia um disponível, visto que o que estava no plantão se deslocou para Arapongas acompanhando uma vítima de infarto.
A Polícia Civil foi informada do ocorrido e o local da morte de Anderson foi preservado para análise. Após o levantamento dos dados realizados pela equipe técnica, um inquérito deverá ser aberto para apurar as responsabilidades, informou o CB Carlos.
Anuncifácil 

Comente