4 de jul de 2013

Assembleia aprova reajuste para os professores da rede estadual


O projeto do governador Beto Richa que garante reajuste e equiparação salarial aos professores da rede estadual do Paraná foi aprovado pela Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (03), em primeira discussão. A mensagem prevê 0,6% de reajuste retroativo a maio e mais 3,94% em outubro. 

Com os novos índices, o aumento salarial de 2013 para os professores atingirá 11,35%, cumprindo compromisso do Governo de acompanhar o valor do piso nacional do magistério e com a equiparação salarial em relação aos demais servidores de nível técnico superior do Estado. 

“É mais uma medida adotada pelo governador Beto Richa para valorizar e melhorar a qualidade da educação no Paraná. Com a aprovação desse projeto, o aumento salarial acumulado dos professores atingirá 50,16% em menos de três anos”, afirmou o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano (PSDB). 

O projeto do governo concede 0,6% de aumento retroativo a maio para seguir o piso nacional da categoria e mais 3,94% para antecipar a última parcela da equiparação salarial dos professores, prevista para outubro. Com a equiparação, pela primeira vez na história do magistério estadual, os professores concursados vão ingressar na carreira com salário inicial igual aos demais servidores com nível superior de outras áreas do Executivo estadual. 

Além dos benefícios salariais para a categoria, o deputado Ademar Traiano lembra que o governo do Paraná está investindo na construção e reforma de escolas, no transporte de estudantes e na qualificação profissional. O governador Beto Richa ampliou os recursos destinados ao transporte escolar, que passaram de R$ 28 milhões em 2010 para R$ 160 milhões em 2012 e 2013 e entregou 32 mil tablets aos professores. Também foram contratados 17.174 profissionais de educação em pouco mais de dois anos e mais de 2 mil professores estaduais foram liberados para formação profissional em cursos de pós-graduação, mestrado ou doutorado. Na área de infraestrutura, são mais de duas mil obras em escolas de todo o Estado. 

O governador também autorizou nesta semana a compra de 67 ônibus escolares para o transporte de estudantes com deficiência. Até o fim do ano, serão comprados 180 veículos. Só para a educação especial, estão sendo destinados R$ 436 milhões. “É um dos maiores investimentos em educação da história do Paraná”, garante o líder do governo, Ademar Traiano.
Informe Policial 

Comente